[JJ 8060]São Paulo(GRU)-->Milão(MXP) 02/02/09

|

Voo: Tam Brazilian Airlines JJ 8060
Origem: São Paulo (GRU)
Destino:Milao, Malpensa (MXP)
Assento: 3C (Business Class)
Tempo de Voo: 11 horas e 6 minutos
Equipamento: Airbus A340-500
ETD (Efetivo) : 8:45PM (9:24PM)
ETA (Efetivo) : 11:00AM (11:14AM)
Altitude: 35.000 pés e apos queimar uma parte do Jet A1 subimos para 40.000 pés

Neste voo não foi necessário fazer o check-in, pois eu já havia feito em Curitiba e as malas já havia sido despachadas diretamente para Milão.

Após desembarcar as 5:33PM do voo JJ3156 vindo de Curitiba(CWB) fui diretamente para a fila da policia federal que estava completamente vazia, um milagre graças a estar bem fora do horários de pico.

Dei uma voltinha no Duty, mas só para olhar porque ate em euros os europeus sao mais baratos, por volta das 6:12PM subi para o 2 piso onde ficam as salas vips(inclusive a da Tam), e ali fiquei na sala vip da Business da Tam ate as 7:40PM quando comecei a me dirigir para o portão 12, o embarque foi iniciado faltando 5 minutos para as 8 da noite.

Exatamente 15 minutos depois de me acomodar em minha poltrona verde (é verde pois este avião pertence a Air Canada porém está voando no Brasil coma matrícula PT-MSN) recebi um pequeno pote de castanhas e amendoins acompanhados de um copo de Coca-Cola®.

Logo depois disso uma comissária me entregou o menu para as refeições durante o voo e minha necessaire, logo após ter pedido tudo fui pedir pra ela se poderia falar com a tripulação de Cockpit e me disse que ia falar com eles, 2 minutos depois ela me chamou dizendo que o comandante Tozi havia aceitado me feito um convite para uma breve visita á sua Cabine do gigante Airbus A340-500 (PT-MSN), peguei algumas informações sobre o voo e me dirigi para meu lugar pois o embarque estava encerrado e ás 8:42PM as portas foram fechadas e 3 minutos mais tarde iniciamos o pushback e o acionamento dos 4 grandes motores do A340 que naquela noite nos levaria até Milão.

Naquela quente e chuvosa noite em São Paulo voaríamos com velocidade de Mach .82 e queimaríamos um pouco das 110 toneladas de combustível embarcadas nos tanques do gigante A340-500 voando a 35.000 pés e depois de diminuir o peso da aeronave subiríamos para o nível de voo de 40.000 pés.

Ficamos parados em uma taxi-way por cerca de 20 minutos após o acionamento dos 4 motores, acredito que pelo imenso fluxo de decolagens dos voos inter-continentais chamando a torre para iniciar suas respectivas jornadas, e o que certamente não ajuda nada é o péssimo inglês dos controladores de voo do Aeroporto de Guarulhos(GRU).

Havia uma grande fila para decolagens e pousos, quando por fim as 9:21PM alinhamos na pista 09L e 4 minutos mais tarde o comandante Tozi acionou todas as libras de forca nos quatro Rolls Royce's Trent 553-61 que equipam os 340 da Tam começando a queimar as 110 toneladas de Jet A1 embarcados em GRU e iniciando uma corrida pra uma decolagem que tinha como pontos de referência (V1 : 149 knots), (VR : 154 knots) e (V2 : 164 knots).

As 9:37 PM a chefe de cabine anunciou o inicio do entretenimento de bordo, e os comissários de bordo começaram os procedimentos nas galleys para servir o jantar, optei como sempre por nao comer muito.

As 10:30PM a comissaria responsavel pela nossa cabine recolhendo as bandejas e perguntando a sobre se queriamos ser acordados para o cafe da manha 2 horas antes de chegar em Milão (MXP) falei que sim depois da janta e um filme quando começo a dormir vou longe, enquanto a janta e a sobremesa era servida eu me distraía assistindo um filme chamado "eagle eye" ou "paranoia", filme excelente eu recomendo.Ao final do filme só me restou deitar a confortável poltrona para a posição cama e cair no sono.

Após algumas horas de sono, por volta das ai 8:30AM de MXP uma mulher da ultima fileira abriu por completo as suas 3 janelas acordando acho que a cabine intera inclusive eu, pois já fazia sol no momento mais ainda acentuado pelo efeito de que ainda estávamos por cima das nuvens.

As 9:30AM horário de MXP começa a ser servido o café da manha aberto pela toalha húmida quente, que teve as opções de cereais e frutas, e por volta das 10:14AM a tripulacao recolheu as bandejas do Cafe da manha e 30 minutos mais tarde iniciamos a descida para MXP, e durante a descida recebemos bombons com uma aeromoça agradecendo a escolha da Tam(a Tam realmente sabe mimar o cliente).

10:50AM acionamento dos speed brakes para atingirmos 180 knots velocidade de toque e cerca de 17 minutos pousamos suavemente no asfalto italiano e finalmente as 11:14AM corte na remota.

Cartão de embarque


Sala VIP da Tam para clientes Business(minúscula sala para uma companhia que tem mais de 10 voos internacionais todas as noites).


Cabine C.


Cabine de Comando com a tripulação de cockpit que nos levou até Milão(MXP) comandada pelo CMTE Tozi.


Salgadinho de Recepção com uma Coca e os comandos eletronicos da poltrona.


Vídeo da decolagem na 09L



Pitch e TV.


Amenidades on-board
(Cardápio para jantar e café da manhã e necessaire)

(Tomada AC power)


Controle da TV.


Comandos da poltrona


Jantar com caldo de Champingnon e paes.




Sobremesa.


A fabulosa e mágica poltrona que quase vira cama(Lie-Flat)!




Lua nos guiando em meio a escura noite.


Controles da poltrona na hora de dormir.


Cabine durante o serviço do café da manhã


Café da manhã servido.


Fabulosa manhã já voávamos sobre o Velho-Continente.


Bombons oferecidos antes do pouso.


Vídeo do pouso em Milão(MXP)


Durante o taxi após o pouso na coberta de neve Milão.


PT-MSN durante o desembarque.






1 comentários:

Hely Cantalice disse...

Sou também apaixonado pela aviação e por viagens. Achei o seu Blog meio que por acaso quando procurava no Google sobre salas VIP da TAM. Gostaria de dize-lo que está tremendamente recheado de informações interessantes. Lendo um de seus relatos, pude perceber como é deveras apaixonante a aviação e a forma como você assim a expressa em seu texto. Tudo isso se completa com o seu conhecimento acerca de todo um vocabulário aéreo. Não sabia que eu gostava tanto assim da aviação.
Pretendo a partir de então iniciar um pequeno blog das minhas modestas experiências em viagens. Será de longe igual a este. Entretanto, quem sabe um dia possa chegar perto da magnitude do seu.
Forte abraço e como diz o navegador Amyr Klink: Bons ventos...

Postar um comentário